20 março 2020

Mané Coco faz carta ao povo de Sirinhaém em razão da crise do novo coronavírus

Na tarde desta sexta-feira (20), Mané Coco, liderança do povo do campo em Sirinhaém, publicou uma carta direcionada ao povo sirinhaense.


Na carta, o líder rural pede que cidadãos e cidadãs sirinhaenses fiquem em casa. E apela para a sensibilidade de comerciantes que trabalham com material de higiene e medicamentos. Mané Coco pede que "as leis do mercado não sejam colocadas acima do bem-estar humano".

Leia, na íntegra, a carta de Mané Coco direcionada ao povo de Sirinhaém:


CARTA AO POVO DE SIRINHAÉM

Aos amigos e amigas que puderem ficar em casa, fiquem!

Pernambuco, junto à maioria dos estados brasileiros, está tomando providências. O governo do estado está adotando medidas para achatar a curva de contágio, com a finalidade de não sobrecarregar o sistema de saúde.

O governo municipal de Sirinhaém também está atento e tomando medidas contra o novo coronavírus.

Apelo para a sensibilidade de nossos comerciantes, principalmente aqueles que trabalham com medicamentos e materiais de higiene. Apelo para que as leis do mercado não sejam colocadas acima do bem-estar humano.

Um abraço virtual. Muita saúde para todos e todas nós!

Manoel Francisco da Silva (Mané Coco)
Liderança do povo do campo em Sirinhaém