30 janeiro 2019

Lula indicado ao Nobel da Paz. Por quê a extrema direita tem se incomodado tanto com ele?

O presidente Luis Inácio Lula da Silva está entre os candidatos ao Prêmio Nobel da Paz, de acordo com a agência EFE. O norueguês Stein Tonnesson, diretor do Instituto Internacional para a Investigação da Paz, teria confirmado a indicação de Lula. A divulgação dos premiados será em outubro. 

Em fevereiro, o jornal francês 'Le Monde' já havia antecipado a indicação de Lula, mas o Instituto Nobel, por tradição não divulga a lista oficial dos candidatos. 

Nesta sexta-feira, o diretor do Instituto Nobel, Geir Lundestad, informou que há 165 personalidades e instituições propostas para o prêmio. 

Stein Tonnesson afirmou ao 'Le Monde' em fevereiro que a vitória de um político sul-americano que luta contra as desigualdades sociais é muito provável. Principalmente se esse político for o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.. 

A EFE informou que Tonnesson disse que Berge Furre, membro do Comitê Nobel da Paz, é um grande admirador do presidente brasileiro.


Só quem se permite ser manipulado pela grande mídia e agora pela governança à frente do país se incomodará o bastante e não aceita que um brasileiro, que já foi reconhecido como o melhor presidente que nosso país já teve, tendo o total de 87% de marca única de aprovação  por seu governo, se incomodará e tem se incomodado com o fato de Luiz Inácio da Silva, o Lula, estar sendo indicado para receber o Prêmio Nobel da Paz.

A honraria é para poucos. E os cidadãos que recebem essa homenagem são aqueles que tem feito ou fizeram algo grandioso que mudou a história de uma comunidade, de uma cidade, de uma nação. Que enfim, que ajudou ou tem ajudado o progresso de alguma maneira.

Poucos na história são agraciados com esse tipo de honraria. E os que o são, são escolhidos à dedo, mediante sua história e atuação que resulta ou resultou em benefício para muitos.

A indicação ao Premio Nobel da Paz, tem incomodado muitos daqueles que, por um lado fingem-se desconhecer a importância do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, atualmente em condição de preso político.

Por outro lado, há aqueles que tem feito de tudo para que o o ex-presidente Lula seja visto como um criminoso, um bandido, etc...

Os operadores para a premiação desse premio de alta honra, não tem ligação com partidarismos políticos. E isso os faz serem vistos, obrigatoriamente, como pessoas ligadas ás grandes causas à favor da humanidade.

Neste caso, se eles escolheram Lula para presenteá-lo e homenageá-lo é por que, ao contrário dos acusadores como Moro, Bolsonaro e demais outros, Lula não é esse monstro que desde anos estão pintando-o na mídia.

Ele merece e tem merecido honras, até mesmo na condição de preso político. E isso, verdadeiramente, desagrada seus opositores.

Lula é o humanista que o Brasil aprendeu à amar e respeitar, apesar de tudo. E ele não tem feito muito esforço para isso.

Sua luta e trabalho pelo desenvolvimento de nosso país é a grande prova de que seus passos deram certo.

Mas, por que os extremistas tem se incomodado tanto com a premiação para LULA ao Nobel da Paz?

Certamente, o motivo desse ódio contra ele deve-se ao fato de que hoje, o ex-presidente está preso por conta de manobras políticas da extrema direita, que tem mantido-o fora das ruas, quando sabiam que ele ganharia com folga as eleições de 2018.

O pernambucano, embora preso político, poderá ser agraciado por ter feito no Brasil o que o Brasil esperava que ele fizesse, e fez.

Seus opositores, ante tal ato de honra, só tem que chorar, reclamar como meninos birrentos, e fazer chacotas nas redes sociais como tem feito, por não terem alguém à altura do homem do Nobel da Paz!