19 setembro 2016

Grupo de Elimário não consegue esconder a fraqueza de atenção popular em comício, quando não tem militantes (pagos?).

No sábado, dia 10, dois dias antes de João Baleia renunciar sua candidatura para não ser impugnado, mostrando ter a força do dinheiro pelas ruas da cidade, uma concentração de pessoas oriundas da cidade de São José da Coroa Grande, Tamandaré e outras, invadiram as ruas. Muitos diziam que, "como estavam pagando 50 reais por cabeça" nãos lhes custava nada ir ganhar dinheirinho.

Na segunda-feira, dia 12/09, ciente de que se continuasse a candidatura e se porventura fosse eleito não poderia assumir o cargo de prefeito, podendo inclusive haver uma nova eleição, o ex-prefeito João Baleia "abre mão", realizando a manobra de colocar Elimário e Thomaz para candidatos em seu lugar, enrolando assim, seus próprios eleitores, que não suportando mais as mentiras do grupo, estão afastando-se dia à dia.

Na terça-feira, dia 13, pelas ruas da cidade, Elimário, financiado por João Baleia, tenta ganhar as ruas, com uma das militâncias mais fracas que já vimos nos ultimos tempos. Continuando assim, pelo resto da semana.

Nesto ultimo sábado, para tentar novamente ganhar algum fôlego, passando a ilusão de multidão, mais uma vez com caminhões e carros vindos de São José da Coroa Grande e outras cidades, a turma do 12 "ganha espaço" em Carassu, na zona rural de Barreiros. E, com uma tentativa de marketing, tenta "empurrar" à ideia de que estão com toda força. Só que não!

Na noite desta segunda-feira dia 19/09, em comício realizado no Bairro Itaperibú, Elimário Melo e Thomaz Buarque não tem como esconder que o excesso de gente em comícios com muito dinheiro, não é a mesma coisa de quando não se pago. Sem dinheiro, nada feito e a realidade é bem outra.
Turma do 12, próximo ao CAP, no mesmo local que a turma de Beto da Sensação tinha realizado um comício relâmpago há menos de 5 dias atrás. Com Beto, uma multidão. Com Elimário...
Na semana passada, dia 14, em um comício relâmpago, na mesma rua e no mesmo Bairro, Beto da Sensação consegue chamar a atenção do público, com uma militância alegre, coesa e ciente de que agora é a hora de mudar de verdade.

Pelo visto, para a turma financiada por João Baleia, as coisas estão mais do que difíceis, com a baleia "aprodrecendo" dia e noite, fora da praia.   

Militância do 14, na mesma rua, próximo ao CAP, no Bairro Itaperibu, dia 14/09.