22 julho 2016

PDT de João Baleia "foi tomado" pelo PSB de Carlinhos da Pedreira em Barreiros ou tudo não passa de acordos entre os amigos?

João Baleia e Carlinhos da Pedreira, sempre juntos em planos políticos.
Que João Baleia está entrando em fase de decadência e baixa popularidade, perdendo destaque com as mentiras implantadas na cidade de Barreiros, dizendo estar elegível, apesar de todos os processos do Ministério Público Estadual e Federal, isso é fato. Afinal de contas, João Marcolino Gomes Junior é apontado por desvios de verbas e crimes contra o erário público, conforme informa-nos os órgãos competentes do TRE e TSE.

No entanto o que vale ressaltar mesmo é que João Baleia e Carlinhos da Pedreira são aliados desde longa data e de uma forma ou de outra os acordos entre eles são traçados e tratados à peso de ouro, em acordos antecipados.

No inicio de campanha, por volta do ano 2011, existia, como é público e notório, um acordo firmando entre os irmãos Léo da Pedreira (PP) e Carlinhos da Pedreira (PSB), para que João Baleia retirasse sua candidatura de Barreiros e fosse parar em São José da Coroa Grande. Se tinha acordo financeiro (algo em torno de 500 mil reais) entre eles ou não, nada se pode provar, no entanto, sabe-se que o candidato do PDT "conformou-se" e seguiu para a cidade coroense em busca de possível eleição com seu nome. 

Em 2012 como todos sabemos, na última semana, foi retirado o nome de João e colocado de última hora sua esposa, Elianai Gomes, que foi eleita com este truque, em um processo de total enrolação em que possivelmente muitos acordos financeiros fora garantido para que tudo desse certo na cidade vizinha. Por sua vez, os irmãos Léo da Pedreira e Carlinhos da Pedreira conseguiram, usando das mesmas artes, as cadeiras de Prefeito e Vice-Prefeito na cidade barreirense.

Agora, em pleno ano eleitoral de 2016 os irmãos Léo da Pedreira e Carlinhos da Pedreira, além dos vereadores da base do atual Prefeito de Barreiros, estão comemorando com a informação de que conseguiram tomar o PDT de João Baleia com possível ajuda do Deputado Federal Eduardo da Fonte (PP) e do Deputado Federal Wolney Queiroz presidente estadual do partido de João.

A estratégia, segundo informações, de tirar o partido de João de suas mãos, seria para não pagarem possível quantia de acordo entre o grupo de Carlinhos com o grupo de Baleia em torno de um milhão e meio de reais, se verdade ou não, sabe-se que tais homens são movidos à acordos elevados politicamente e financeiramente falando. Puxando o tapete do, antes amigo e agora suposto inimigo, as possibilidades de disputa eleitoral estariam abertas já que o grupo do atual Prefeito de Barreiros acredita que os votos do ex-prefeito, Baleia, poderão vingar para o atual Prefeito e pretenso pré-candidato do PSB.

No entanto, João Baleia, já enfraquecido em suas bases, ainda insiste em manter seu nome como pré-candidato, tendo contra ele além da rejeição, a possibilidade de ter seu nome incluído próximo dia 15 de agosto no listão do TSE, e agora, mais do que nunca, a traição de seus amigos de longa data. 

Ainda segundo informações, o Baleia estaria realizando sua convenção próximo dia 31 de julho no Clube Caiadores. 

Até lá, muitas coisas poderão acontecer. E tudo leva-se à crer que com a saída de João do páreo eleitoral, Elimário que seria seu vice, desde muito tempo apagado na corrida eleitoral barreirense, poderá ser apresentado pelos próximos dias como o candidato á Prefeito, indicado e de "confiança" de Baleia, por via das dúvidas.