09 setembro 2016

Profissionais da Educação da rede municipal podem paralisar atividades à partir desta segunda-feira por falta de pagamento, em Barreiros.


Os profissionais da Educação na cidade de Barreiros, cansados de esperar por uma solução por parte da Prefeitura e sem acreditar mais nas diversas promessas de pagamentos por parte do Prefeito Carlos Arthur resolve que à partir desta segunda, dia 12 de Setembro, paralisará os serviços até que recebam seus salários.

Todos os meses tanto os contratados quanto os funcionários do quadro, penam para receberem seus salários. Os atrasos constantes incomodam quem é obrigado à esperar pela boa vontade do Prefeito para uma ação que é sua obrigação.

No inicio da tarde de hoje foi informado que o Prefeito Carlinhos da Pedreira teria comunicado ao Sindicado dos Professores em Barreiros que não tem dinheiro para pagar aos professores e administrativos da educação.

Ainda segundo informações existe um certo "sorteio" nos pagamentos aos profissionais. Uns recebem, outros não. À uns são pagos em dia, principalmente aqueles que dizem que são eleitores da atual gestão. Aos demais, a espera é constante.

- "Pagaram á uns. Já o restante dos professores e profissionais do administrativo eles dizem que não tem dinheiro pra pagar, não". Informa Kelly Silva, professora na rede municipal de Barreiros.