22 fevereiro 2018

Ministro Mendonça Filho (DEM) passou á usar sua conta no Twitter para atingir o PT em busca de projeção para as eleições de 2018

O Deputado Federal Mendonça Filho (DEM-PE), conhecido popularmente como Mendoncinha, está em busca de projeção nacional e como não tem projeto de governo ou nada à apresentar publicamente passou, nestes últimos dias, á usar sua conta no Twitter para atacar a ex-presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Lula e todos os integrantes do Partido dos Trabalhadores em busca de atenção.

O deputado, atualmente ministro da educação, partícipe declarado do golpe, que anda lado à lado com Michel Temer e seus projetos contra a nação brasileira, tem pretensões de concorrer as eleições deste ano de 2018 ao cargo de governador do estado. O que seria para ele a galinha dos ovos de ouro.

Empossado como Ministro da Educação em maio de 2016 Mendoncinha tenta chamar a atenção popular, sem muito sucesso, tentando aparecer de alguma forma. Como não tem muito o que mostrar encontrou, ao que se pode conferir por suas postagens, o alvo para criticar, embora sem muito traquejo, e resolveu afiar á língua digital contra todos os que pertencem ao PT, desde Dilma Rousseff, Lula e estendendo-se aos demais aliados petistas.

Uma de suas supostas glórias é que durante sua atuação á frente do Ministério da Educação, local totalmente alheio à sua pessoa, o mesmo tenha, junto com sua equipe, criado o Novo Fies, à que ele atribui à uma nova realidade para os estudantes.

Numa de suas publicações, Mendoncinha resolve fazer piada, que não lhe parece ter caido bem. O ministro vem com a seguinte citação, captada em sua conta no Twitter 

Ministro da Educação Mendonça Filho (DEM), um dos responsáveis pelo golpe de 2016 contra o Brasil
 Faço uma pergunta pública a ex-presidente Dilma. Em nome da autonomia universitária ela defenderia a criação de uma disciplina intitulada "O PT, o petrolão e o colapso econômico do Brasil"?

O que parece ser uma simples piada leva-nos à outras perguntas que não sei se o ministro tem capacidade mental e estrutura para responder com responsabilidade, que lhe está faltando: Será que o ministro reconhece e pode citar quais foram os deputados e senadores, boa parte deles corrompidos que deram o golpe no Brasil votando favorável ao impeachment que tirou o cargo de uma presidente eleita democraticamente em nosso país?

A revolta e ataques de Mendoncinha se dá por que, conforme ele usa de suas falas, a universidade de Brasília trouxe à lume uma disciplina que trata sobre o golpe que foi dado no Brasil em 2016 e que está em uso até os dias de hoje. O ministro lamenta que a disciplina esteja sendo aplicada na instituição já que tais informações poderão esclarecer à quem estude tal matéria quem e quais foram os participantes do crime de estado que ele também faz parte. 


Favorável ao projeto ESCOLA SEM PARTIDO o ministro teme que uma disciplina como esta apontada por ele tenha o poder de desmascarar quais são os corruptos verdadeiros em nosso estado maior e/ou mostre quem e quais foram os traidores que golpearam o Brasil não valorizando assim o voto popular e democrático.