07 agosto 2015

Carta anônima espalhada em casa de populares trata de indignação de profissionais na área de Educação no Município de Barreiros

 
Moradores do Bairro da Prainha, Barro Vermelho e outras localidades próximas ao centro da cidade de Barreiros, acordaram, na manhã de hoje, com uma carta sem assinatura que fora colocada por baixo de suas portas, em que um suposto funcionário ou funcionária, estaria desabafando sofre a situação dos servidores à serviço da Prefeitura Municipal de Barreiros, sob a administração de Carlinhos da Pedreira (PSB).
 
Um grupo de bate papos do Whatsapp divulgou-a e a mesma está correndo de mão em mão, chegando à mim, conforme pode ser consultado abaixo.
 
Por uma questão de ética e cuidado para com os internautas que fazem uso do App Whatsapp não sejam identificados consegui apagar seus nomes e números de maneira à não divulgar seus contatos, para que os mesmos não sofram retaliações e nem sejam perseguidos pela atual gestão. Tão pouco, revelaremos qual seja o grupo que divulgou a carta, já que em se tratando de uma rede social, pode-se pensar em diversos na cidade.
 
Pelo teor do texto, em seu desenrolar, pode-se perceber ser uma mulher à desabafar anonimamente, nesta carta.
 
 
 
Infelizmente nossa cidade ainda está em verdadeira escuridão, e ainda temem aqueles que são pagos com nossos impostos para estarem no poder.
 
O cidadão comum tem que colocar na cabeça de que eles são os patrões dos administradores do dinheiro público, e que nós é quem pagamos os salários deles. Portanto, chega de manter-se no anonimato, quando o direito de cobrança é do munícipe.
 
A carta, como podemos ver, tá mais para um desabafo, do que para denuncia, mas ainda assim, vale à pena lê-la, com atenção.