11 setembro 2018

Revoltado com pesquisa que aponta 43% de rejeição, filho de Jair Messias Bolsonaro diz que "DataFolha e Ibope deviam ser jogados no Lixo"

Bolsonaro e seu filho, Eduardo Bolsonaro

Após mais uma pesquisa, dessa vez feita pelo DataFolha em que o presidenciável, Jair Bolsonaro foi apresentado com mais uma alta de rejeição, um dos filhos de Bolsonaro, em entrevista sobre o caso da situação do pai, ainda internado, quando perguntado sobre o resultado das pesquisas que estavam prestes à sair e que dava como certo novo número de eleitores que não votariam de forma alguma no candidato do PSL, um dos filhos do Messias, Eduardo Bolsonaro disse que "DataFolha e Ibope deviam ser jogados no lixo", já que os resultados apresentados não beneficiavam o candidato armamentista, que foi covardemente agredido à facadas em Minas Gerais, neste ultimo dia 06 de setembro.

Segundo o Datafolha no segundo turno, quando a lógica do voto por exclusão ganha forçadesempenho eleitoral do deputado federal sofre influência de seu índice de rejeição, de 43%o mais alto entre os presidenciáveis. Mesmo após o atentado à faca sofrido por Jair Bolsonaro na última quinta-feira, 6, porcentagem de eleitores que responderam não votar nele de jeito nenhum aumentou 4 pontos percentuaisO que revoltou os filhos de Bolsonaro.
Confira o resultado acessando aqui
.