04 outubro 2017

Bolsa Família em Barreiros tem mais de 8 mil e 200 beneficiados, mas será que todos eles precisam deste benefício?

Programa Bolsa Família (PBF) é um programa de transferência de renda do Governo Federal, sob condicionalidades, instituído no Governo Lula pela Medida Provisória 132, de 20 de outubro de 2003, convertida em lei em 9 de janeiro de 2004, pela Lei Federal n. 10.836, que unificou e ampliou e os seguintes programas anteriores de transferência de renda:
  • Programa Nacional de Renda Mínima vinculada à Educação - Bolsa Escola (Lei nº 10.219, de 11 de abril de 2001 - Governo Fernando Henrique Cardoso)

  • Cadastramento Único do Governo Federal (Decreto nº 3.877, de 24 de julho de 2001 - Governo Fernando Henrique Cardoso)

  • Programa Nacional de Renda Mínima vinculada à Saúde - Bolsa Alimentação (Medida Provisória nº 2.206-1, de 6 de setembro de 2001 - Governo Fernando Henrique Cardoso)

  • Programa Auxílio-Gás (Decreto nº 4.102, de 24 de janeiro de 2002 - Governo Fernando Henrique Cardoso)

  • Programa Nacional de Acesso à Alimentação - Fome Zero (Lei nº 10.689, de 13 de junho de 2003 - Governo Lula)
Resultado de imagem para Bolsa familia
Em Barreiros mais de oito mil famílias são beneficiadas com este programa. Mas será que todos precisam desta renda?
O Programa Bolsa Família (PBF) é tecnicamente chamado de mecanismo condicional de transferência de recursos. Consiste na ajuda financeira às famílias pobres (definidas como aquelas que possuem renda per capita de R$ 85,00 a R$ 170,00) que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos e extremamente pobres (com renda per capita até R$ 85,00). A contrapartida é que as famílias beneficiárias mantenham as crianças e os adolescentes entre 6 e 17 anos com frequência na escola e façam o acompanhamento de saúde das gestantes, as mulheres que estiverem amamentando e as crianças, que também devem ter a vacinação em dia. O programa visa a quebrar o ciclo geracional da pobreza a curto e a longo prazo através de transferências condicionadas de renda. Em outubro de 2015, o valor médio do benefício era de R$ 176,00 mensais e o menor valor, de R$ 35,00 mensais.
Foi considerado um dos principais programas de combate à pobreza do mundo, tendo sido nomeado como "um esquema anti-pobreza originado na América Latina que está ganhando adeptos mundo afora" pela britânica The Economist. Ainda de acordo com a publicação, os governos de todo o mundo estão de olho no programa. O jornal francês Le Monde reporta: "O programa Bolsa Família amplia, sobretudo, o acesso à educação, a qual representa a melhor arma, no Brasil ou em qualquer lugar do mundo, contra a pobreza."

Em Pernambuco, nos 185 municípios, somam-se atualmente um milhão cento e trinta e cinco mil e trezentos e quarenta e cinco beneficiários.

Na cidade de Barreiros o número de dependentes segue crescendo mês a mês e atualmente contam-se oito mil duzentos e oitenta e sete pessoas atendidas pelo programa, segundo informações atualizadas e acessadas hoje, dia 04 de outubro de 2017 disponíveis no site da Caixa Econômica Federal.
No entanto, algumas perguntas que se podem fazer é:

- Todos estes beneficiados são necessitados? 
- Existe fiscalização quanto à essa distribuição de renda? 
- Existem pessoas e famílias que necessitam mas que não estão no programa?

Essas perguntas poderão ser respondidas em artigo posterior que devo trazer pelos próximos dias para os leitores desta página.