22 agosto 2014

Prédios públicos em Barreiros podem ficar sem fornecimento de energia por atraso nas contas.


Mais uma vez a noticia de atraso nas contas da prefeitura para com a CELPE volta à tona.

Ontem o mandado de corte deu-se, mais uma vez para os prédios públicos da cidade de Barreiros. Locais como o Mercado Público, que por sinal já foi afetado com o mesmo problema, ou seja, falta de pagamento no inicio deste mesmo ano de 2014, voltou à ficar sem fornecimento de energia.

O sanitário público, ontem, recém entregue à população barreirense, depois de quase um ano em reforma e que teve por sinal a instalação de aparelhos de Ar Condicionado para atender aos caprichos da mãe do prefeito, ontem foi cortado o fornecimento de energia.

A Escola Municipal José Canuto, também teve seu fornecimento de energia cortado.


Ainda, segundo informações de funcionário da CELPE, "os atrasos são constantes por parte da prefeitura em se falando das contas de energia, e por isso os cortes. Antes dos cortes em definitivo, como todos devem saber, enviamos cartas com aviso de corte, e esperamos o tempo necessário para regularização, se não pagou, a ordem é corte mesmo. A prefeitura é para nós como qualquer cidadão comum. Não pagou, cortou e se vem a ordem não podemos nos responsabilizar por erros alheios"

Ainda segundo o funcionário, tem mais locais com aviso de corte, dentre elas, muitas escolas municipais e prédios ligados à prefeitura.

No final da tarde de ontem pelo menos o mercado e o sanitário publico tiveram a reeligação. Porém, não se sabe até quanto tempo, já que essa nova administração é acostumada à não honrar com compromissos simples como estes. 

Ainda, segundo ele, o prédio da prefeitura municipal corre novamente o risco de corte por não pagamento.

Relembre aqui outros dois momentos de cortes de energia em Barreiros.

Inadimplência - Celpe Suspende Fornecimento de Energia no Mercado Público de Barreiros

Celpe Deverá Cortar o Fornecimento de Energia da Prefeitura Municipal de Barreiros?