03 março 2019

Mídia de direita mente contra Lula, diz que ele fez discurso em velório do neto, e continua espalhando novas Fake News contra ex-presidente.


Que a mídia de direita é acostumada à fabricar e espalhar Fake News, disso todos já sabemos. Assim como sabemos que eles são descarados ao ponto de produzir matérias que causam nojo à qualquer pessoa normal e artigos vergonhosamente infelizes com o único fim: manchar a imagem daqueles que são seus inimigos políticos.

Durante a campanha de 2018, blogs e sites de direita foram os responsáveis pelas mais escabrosas informações falsas veiculadas contra a esquerda, à serviço da direita.

O mecanismo, no entanto, não pára de agir à favor deles e contra aqueles que são considerados seus desafetos.

No dia 1º de Março o neto de Lula veio à falecer, como todos nós estamos sabendo à partir das redes sociais ou das mídias oficiais. Uma das primeiras publicações que veio à tona dizia que o ex-presidente teria vetado a produção e aplicação da vacina que combatia a Meningite. A mentira, embora tenha pernas curtas, corre rápido.


E assim, vimos pessoas nas redes sociais espalharem o veneno da mentira e do ódio em postagens de grupos do Facebook, Whatsapp, entre outras redes, por simplesmente odiarem o Lula, atuando à favor do mecanismo de fabricação de mentiras, á serviço ainda de Bolsonaro e sua equipe de fabricantes de Perfis Fakes e Fake News. 


Depois de negarem à Lula o direito de visitar seu irmão no velório deste, no ano passado, ontem a mesma justiça finalmente o liberou para velar o corpo de seu neto que aconteceu neste dia 02.

Segundo todo esquema montado de segurança, em que o preso politico  foi tratado como se fosse o pior dos criminosos de nosso país, é sabido, tanto pelas mídias oficiais como pelas alternativas que o ex-presidente não teve praticamente fôlego para respirar.

No entanto, algumas pessoas que estavam no local, autorizadas e ligadas à família do avô e do neto, disseram que ele, emocionado, fez algumas citações sobre o caixão de seu neto pedindo, inclusive desculpas pelos bullying que ele certamente sofrera na escola, por conta do avô, que está preso político e dizendo ainda que conseguirá provar sua inocência, conforme as mídias oficiais publicaram.

No entanto, a mídia de Bolsonaro e da direita, mentindo, conseguiu alterar uma fala simples em um suposto discurso que não aconteceu. Até por que, Lula não estava autorizado falar, nem com a imprensa, nem com pessoas fora do recinto em que se velava seu neto.

Portal de direita usa de Fake News contra ex-presidente Lula.

O portal República de Curitiba, um portal cem por cento de direita, bem como, cem por cento tendenciosa, foi um dos tais que publicou a seguinte nota, conforme trouxe o print acima, dizendo que Lula teria feito um discurso político no velório de seu neto. 

A publicação é tão sem prova e tão sem nexo que merece algumas perguntas. 

Como foi que esse "jornalista" conseguiu essa informação se nem a VEJA, nem a Globo, nem o Estadão e demais jornais impressos e não impressos, não conseguiram?

Há ainda que se perguntar: aonde estão as imagens desse tal discurso, se até aonde sabemos não havia autorização da justiça e nem liberdade a Lula para isso?

Outros canais, igualmente, tendenciosos ligados a maioria à Bolsonaro, portanto de direita ou extrema direita, também apontaram a mesma nota, mentirosa, dizendo que aconteceu um discurso, sem ter acontecido.

Eles acusam Lula de estar fazendo politicagem em cima da morte de seu neto, quando, à bem da verdade quem esta agindo covardemente em cima de uma situação de morte de uma criança são eles mesmos que fazem artigos mentirosos como estes.

O Jornal O Dia, também citou frase semelhante dizendo que Lula teria feito discurso. Quando na verdade, nada disso se passou.

Em nenhum dos sites e blogs de direita que li encontrei fonte confiável que comprovasse que houve discurso. A maioria deles (conferi em 11 portais diferentes) a informação eram praticamente as mesmas, "segundo pessoas que estavam lá".

Não havia fotos, nem vídeos, sequer um áudio que pudesse comprovar o tal discurso. E assim vamos encontrando um tipo de reportagem e jornalismo asqueroso que causa ojeriza à qualquer pessoa sã.

Aconteceram coisas absurdas durante a campanha do ano passado, mas o Mecanismo ainda não parou, e pelo visto, a fabricação de Fake News, ainda demorará muitos anos para ser desbancada.

De um lado há os fabricantes de conteúdos falsos, de outro lado há os que adoram esse tipo de matéria tendenciosa e mentirosa que continuarão espalhando toda sorte de desinformação recheada de inverdades, pelas redes sociais à fora, principalmente contra aqueles que são pintados todos os dias como inimigos da direita maliciosa.