29 agosto 2016

Garis de Barreiros estão sob aviso prévio, sem receberem há mais de 60 dias, passando necessidade.

Sem material adequado para trabalhar. Sem salários. Sem sequer saberem se tem alguma garantia. E agora, com aviso prévio
Cerca de 39 garis estão com mais de 60 dias sem receberem seus salários. A empresa que "presta serviço para a Prefeitura", é, segundo apontam dos familiares do atual Prefeito Carlinhos e de seu irmão e vice, Léo da Pedreira. Os dois estão em busca da reeleição.

Os garis que fazem a limpeza nas diversas ruas de Barreiros além de não terem material adequado para trabalhar ainda tem que passar, todos os meses, pela espera incansável dos pagamentos de seus salários.

Há cerca de 15 dias, conforme ficamos todos sabendo, os garis, sem receber, deixaram de trabalhar à espera de seus salários. Nada de receberem seus soldos.

No final da semana passada, além de não terem recebido, os garis, cerca de 39 funcionários, tiveram a informação de que à partir do final deste mês, todos começarão à serem demitidos.

- "A cada período serão 13 funcionários que irão pra rua, à cada 15 dias. E o que é mais terrível, é que estávamos trabalhando e não sabiamos que estamos de aviso prévio. Quanto aos nossos pagamentos, atrasados, nada de pagar. Estamos passando necessidade.", informou um gari que prefere não ser identificado.

Segundo os garis, o Prefeito teria repetido a mesma conversa de meses atrás ao dizerem que todos passariam à ser funcionários diretos da Prefeitura. Algo que eles dizem não ter mais confiança na palavra do gestor público, já que, conforme citaram "não é a primeira vez que escutamos estas mesmas mentiras"

- "Estamos passando fome. E trabalhando na esperança de que nos paguem o que nos devem. E agora, com essa informação de que estamos de aviso prévio, foi que ferrou mesmo". Disse L.M. Santos, um dos garis, com lágrimas nos olhos de indignação.