11 agosto 2014

Feira de Santa Terezinha encerra giro de Armando pelo Sertão do Pajeú

A feira livre do município de Santa Terezinha é um dos conhecidos centros que reúne milhares de pessoas às segundas-feiras no Sertão do Pajeú. A feira mobiliza ambulantes de várias partes da região e até da Paraíba. E foi nesse ambiente que a cidade acolheu uma grande caminhada de Armando Monteiro (PTB), candidato a governador de Pernambuco, encerrando o seu giro por três dias na região do Pajeú.

Ao lado da militância animada e do povo, Armando percorreu a feira livre, o mercado e o açougue públicos do município, numa passagem que durou quase duas horas. Apresentando suas propostas de governo para melhorar a vida do povo pernambucano, o candidato ganhou a simpatia e a admiração dos sertanejos.

Dentre as declarações de apoio que Armando recebeu está a do agricultor Leno Inácio de Lima. O trabalhador, que conhecia de nome o candidato petebista, convenceu-se que Armando tem as melhores propostas para o Estado. “E esse homem não vai perder em nenhuma região de Pernambuco. Eu vejo isso nas ruas”, disse.

A mesma crença é compartilhada pelo vendedor Cláudio Olegário, que enxerga em Armando uma chance de Pernambuco entrar em um novo ciclo de desenvolvimento, desta vez com um olhar especial para o interior do Estado. “Essa candidatura de Armando olha e conversa com o povo sofrido do Sertão. É um homem de compromissos e que vai fazer bem a Pernambuco”, assinalou.

Em suas palavras, Armando destacou que seu o palanque é o mesmo do da presidente Dilma Rousseff (PT) e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Juntos com os líderes petistas, o candidato afirmou que quer trabalhar para melhorar a educação, a saúde, a segurança pública de Pernambuco.

“No dia 5 de outubro tem eleição. E a eleição é um momento importante. E vocês têm que definir pelo voto qual o caminho que querem tomar. Tenho a honra de ser apoiado em Pernambuco pelo ex-presidente Lula e pela presidente Dilma, que a gente tem que reeleger para continuar a ter um olhar e cuidar dos mais carentes”, concluiu o candidato a governador.

(Crédito das fotos: Leo Caldas/Divulgação)