05 maio 2014

Pernambuco terá a campanha política mais nojenta dos últimos tempos

Nestes últimos dias, como blogueiro, venho observando como os ideais políticos estão sendo jogados no lixo, e tudo o que aparece de verdade são apenas acusações, escárnios, etc. Até o momento, proposta política mesmo, principalmente dos pré-candidatos, apenas para os representantes de pequenas cidades do interior. O prefeito X ganha um investimento do pré-candidato Y, para que o primeiro convença o povo à votar nele.

Em contra partida, o partido X diz que o partido Y é corrupto, e joga informações online.

Por sua vez o partido Z encontra pontos negativos nos dois outros partidos, em se falando de seus representantes, e joga a lama no ventilador.

Lembrando que o ventilador dos dias atuais são as redes sociais.

Em poucos instantes, até mesmo com a ajuda dos blogueiros, dos internautas, ou ainda dos grandes jornais e revistas, escândalos e mais escândalos passam ou passarão à ser conhecidos, à priori numa pequena rede de amigos que compartilha com outras redes sociais, que joga à nível de cidade e se estende para um estado inteiro, que respinga para outros estados e em menos de 30 minutos o mundo todo já tá sabendo o que aconteceu no interior de um escritório fechado, entre quatro paredes.

Essa é a força das redes sociais que muitos não mediram ainda.

Enquanto escrevo essas linhas, ainda não saí para ir à rua, resolver algumas pendencias para minha casa, mas já estou ciente de um monte de coisas que está acontecendo no Rio Grande do Sul, no Paraná, São Paulo, Recife, e em particular, minha cidadezinha amada, Barreiros, interior do estado pernambucano.

Desde pequenas às grandes coisas. Esse é o lado interessante das redes sociais, e do acesso facilitado que  a internet, nos proporciona. Um novo olhar sobre o que nos cerca.

E é por conta dessa mesma força de informações por segundo, que encontramos online, que posso assegurar que esse ano de 2014 apresentará uma das campanhas políticas mais nojentas que já se podia imaginar em nosso estado.

Vão aparecer deputados que compraram prefeitos e vereadores.

Assim como aparecerão vereadores e prefeitos em busca de "auxilio campanha" com alguns conglomerados, financeiramente falando, e com a recusa deles, outros escândalos virão online.

O PSB de Eduardo Campos e o PTB de Armando Monteiro, cada qual, encontrarão forças suficientes para alavancar ou rebaixar de vez a campanha um do outro.

E enquanto cada um acusa, estarão, ou pelo menos tentarão usar para si a imagem de santos (que nunca foram), e inocentes das tais acusações.

A certeza que podemos ter de tudo isso é que o povo, como sempre uma grande maioria, que não estuda os dois lados e ainda se deixa levar pelo dinheiro fácil, apenas por hoje, vai mais uma vez, dar carta branca para ladrões de carteirinha, governar dinheiro público, para mais na frente os mesmos que votaram, passarem por apertos financeiros.

E mais uma vez aparecerão aqueles para dizer: o povo tem o governo que merece!

Fato! Infelizmente, mas é fato!

Quando você, leitor amigo, toma partido por determinado candidato apenas porque ele ou ela apertaram sua mão, lhe visitaram (uma vez perdida) e lhe chamaram de amigos, lhe dando dez reais para a cachacinha, ou 50 para a compra de uma cesta básica de ultima hora, à cada 3 ou 4 anos, ou aqueles cem reais corruptos, como aconteceu no ano de 2012, aqui mesmo nas ruas de Barreiros, você passa à ser o responsável principal por tudo de ruim, financeiramente, que lhe está acontecendo.

O desemprego, a falta de boa saúde, a insegurança, o comércio precário, e demais outros itens são de sua completa e inteira responsabilidade. Eles, os governantes corruptos são apenas e nada mais que o reflexo de seus atos.

Sem contar que quem mais sofre com isso, por conta de sua irresponsabilidade, não seus filhos, netos, e aqueles que ainda virão, encontrando o erro que você plantou quando aceitou colocar no poder corruptos, com o ato miserável da sua corrupção!

Por outro lado, tenho que reconhecer que alguns, poucos,  não são tão culpados assim.

Afinal, ainda existem aqueles experto que burlam as urnas eletrônicas, para que seus candidatos sejam eleitos. Depois das máquinas preparadas, ou viciadas (palavra bonitinha), apontam fulanos como escolhidos do povo...

Tava lembrando aqui de determinado juiz de uma cidade pequena, que não vou falar o nome da mesma e nem dele agora, mas que usou os microfones de uma rádio difusora para anunciar, no domingo de votação, ás 17:10, quando as máquinas estava ainda sendo recolhidas, que o candidato que ele apoiava, sendo inclusive participante do mesmo credo e doutrina religiosa, estava eleito e que o povo já podia comemorar a vitoria de alguém que estava, até menos de dois dias antes, sendo apontado como a ultima opção em pesquisas feitas por eles mesmos que davam a derrota deste como certa.

 Clique na Imagem e confira essa informação online.
 Clique na Imagem e confira essa informação online.

Diante de minhas palavras de hoje, num inicio de semana, segunda feira, como forma de desabado, por tantas covardias aplicadas, em especial contra meu povo pernambucano, devo dizer que preparem-se para novas coisas podres para essa eleição de 2014.

Uma triste realidade, mas a verdade nua e crua é essa.

Tenhamos todos uma ótima semana pela frente!