30 maio 2014

Calma gente, Ed Soares, não foi preso e está aqui. Não confiem em boatos!

Gente, como sabem, aconteceu uma discussão, totalmente desnecessária, na manhã de hoje, aqui no bairro da prainha, quando este blogueiro foi tratar de uma situação com a mãe do prefeito, já que a mesma estava no parque infantil, fazendo um trabalho, que não era de sua competência. E, levando à ela, as reclamações dos moradores, como representante da comunidade local, já que segundo uma moradora quando a mãe do prefeito foi inquirida sobre certa questão, esta por sua vez, teria lhe dito umas grosserias com alguns moradores que citaram a questão da areia à ser colocada naquele local, no parque infantil do bairro, de maneira à não servir como futuro monturo de fezes para animais. A mãe do prefeito teria dito que "quem tem seus cachorros que prendam".

E porque fosse inquirida por mim, a mesma conseguiu reunir, em pouco tempo, praticamente toda uma tropa alegando em suas ligações, quando fazia para o seu pessoal, que eu praticamente à estava espancando em praça pública.

Algumas pessoas vieram, e foi aquele furdunço, por pouca coisa.

Depois de quase tudo feito, quando já tínhamos encontrado uma solução viável, com o motorista, Pandy e o segurança particular do prefeito, João, que estavam como representantes da prefeitura, fui atacado covardemente pelo vereador Henrique e seu irmão, André Costa, que por sinal, este último é conselheiro tutelar em nossa cidade.

Portanto, por conta desse caso em especial, partir com minha esposa para a delegacia. E pasmem, quando lá chegamos encontramos um cenário totalmente contrário, em que de vítima, eu seria o agressor segundo os dizeres da mãe do prefeito, do prefeito, do tio do prefeito, o senhor João Alfredo, bem como alguns da "tropa".

Rapidamente espalharam na cidade que esse blogueiro que vos escreve estava preso.

O boato rodou a cidade inteira. No entanto, não, gente, nada disso aconteceu. Eles até querem arrumar uma forma de calar o blogueiro, mas não foi bem por aí.

Mais detalhes estarei colocando em video, na próxima postagem aqui nesta página.

No entanto, afirmo, ED SOARES, não estava preso e não bati em ninguém. Bateram sim, em mim covardemente, Henrique e André Costa, os dois irmãos, por trás, sem sequer me dar chance de defesa. O André por exemplo, bateu em meu braço, fazendo cair o celular que eu estava usando para gravar todo o acontecimento, sendo depois, a parte essencial sendo pega, considero isso um roubo, por um dos funcionários da prefeitura, que por sinal, já sabemos quem é, e desaparecendo com o mesmo.

Para não ter que alongar essa postagem, na próxima, estarei fazendo com vídeo contando tudo o que se passou, inclusive com alguns detalhes depois, de quando me encontrava na mesma delegacia em questão.