22 maio 2014

BARREIROS, PERNAMBUCO, BRASIL... GOVERNOS SEM COERÊNCIA POLÍTICA E SEM CARÀTER GOVERNAMENTAL.

Vamos falar um pouco de coerência e caráter político. O que notamos na verdade é que cada vez mais a união entre a Política Brasileira, suas “COERÊNCIAS” e o Caráter de nossos Políticos tem sido desgastados. Os exemplos divulgados e relatados todos os dias, nos jornais, e na imprensa em geral, tem mostrado a realidade, apesar que muita coisa fica embaixo do tapete. Sem contar com a falta leis e rigor da justiça para com esses que trabalham com o dinheiro público.

Nossas eleições são realizadas de dois em dois anos, começa-se a divulgação da tal democracia, que não vivemos, nem a sentimos em nosso dia a dia. É tudo fachada publicitária! Onde na realidade movimenta-se  bilhões de reais no Brasil de dois em dois anos, e agita os bastidores para ver dentre a elite milionária brasileira, quem vai mandar no Planalto, nos Palácios e nas Prefeituras.

Como falamos antes, são bilhões de reais investidos na compra do voto e nas estruturas absurdamente gigantes diante do salário que vai se ganhar durante o mandato, e acreditem, nada é fiscalizado, nem o povo vai as ruas protestar como estão indo hoje acertadamente contra os desvios bilionários na construção dos estádios para a copa do mundo. 

Nossos municípios são totalmente incapacitado muitas vezes de realizar um projeto de grande porte, pois são dependentes do governo estadual e federal. O governo estadual fica de olho se o prefeito apoia suas decisões e seus candidatos, e o governo federal fica de olho se o governador também apoia a sua gestão e seus candidatos. E acredite, ainda tem prefeitos e governadores tão despreparados, que são vistos como piada no planalto. Nos quatro cantos eles são as chacotas dos poderosos. Então amigo, reze para que sua cidade ou estado não tenha um desses “homens” no poder, sem ter poder algum

Com isso amigos, nada é feito com intuito de ajudar o povo. Tudo no brasil funciona da seguinte e vergonhosa maneira; parcerias ilícitas. “Eu te dou aqui, para te pedir o dobro ali”. Ou, ainda; “uma mão lava a outra e as duas juntas lava-se o corpo inteiro”.

É o jeitinho brasileiro de se viver!

Não importa quantos milhões ou bilhões sejam desviados anualmente dos cofres públicos, o objetivo é se dar bem, enquanto durar o mandato. Não existe preocupação com o povo, nem com os problemas que enfrentamos no Brasil.

O Governo Federal, dos 100% do nosso dinheiro arrecadado, fica com a maior fatia 65%, enquanto isso, destina 23% para os estados que hoje são 26 estados + o Distrito Federal.E apenas 12% para os municípios que são mais de 5.000 cidades em todo o brasil. Tudo isso para que fiquemos dependentes deles. Lembra daquela história que “O patrão não quer que o empregado morra, mais morre de medo de o ver independente e estabilizado!?” Isso no Brasil é sinônimo de ameaça. É assim, o Brasil e sua democracia política fajuta.

Como podemos viver como país de 3º mundo se já arrecadamos TRILHÕES anualmente? Isso é vergonhoso! Países que vivem com bem menos que nós, dão exemplos de governança. 

Nossos políticos são vistos pelo povo como “Os maiores ladrões do Brasil”. Ocupam os piores lugares em relação às demais instituições. Quando o povo é entrevistado ou são feitas as pesquisas populares. Hoje é dito que para ser prefeito por exemplo (pois eu sou do interior), não é mais escolhido pelo caráter, ou pelos exemplos, ou pela perspectiva com aquele candidato e sim pelo dinheiro investido na campanha, como vimos na última de 2012. Quem gastou mais ganhou em Barreiros, um dinheiro que sabemos que jamais será voltado para os cofres dos investidores, com exceção é claro, de um mandato recheado roubos e falcatruas com o dinheiro das respectivas pastas como saúde, educação, obras e tantas outras, só assim eles poderão tirar todos os investimentos.

Conversando com um morador aqui de minha cidade ele me falou uma coisa interessante. Ele disse assim “Roque, não adianta, se escolhermos o pior membro da sociedade barreirense, e colocarmos de 3 a 5 milhões em seus bolsos para ele usar na campanha ele será o prefeito” e ainda disse mais “Não importa se ele é alma sebosa, assassino, mau filho, mau marido, mau pai, arrogante, ladrão, nada disso vai importar, ganha quem gastar mais”. Então é isso! Eles são blindados pelo costume corrupto do derrame de dinheiro, que mais à frente sempre nos custa "os olhos da cara". E assim amigos, caminhamos em Barreiros, em Pernambuco e no Brasil. Sem autonomia, e exercendo uma cidadania que é falsa, que só funciona, na verdade, dos fatos e dos direitos, para uma pequena parte de pessoas do Brasil. Os “MILIONÁRIOS”.

Já me perguntaram porque eu falo tal mal da elite governante, eu respondi da maneira que aprendi a lidar com o assunto, as razões podem ser porque eles são:

1 - Oportunistas desvairados que só visam postos, dinheiro e cargos públicos do alto escalão;

2 - Tem na corrupção a única saída para si e seus propósitos;

3 - Praticam tudo ao contrário do que discursam nos bastidores e palanques políticos;

4 - São demagogos, frios e calculistas, onde a mentira anda lado a lado com suas vidas;

5 - Homens e Mulheres que abandonaram os princípios éticos, filosóficos, doutrinários e ideológicos, para com isso se enrolarem à bandeiras partidárias e conchavos;

6 - Inconsistentes, incoerente e ao mesmo tempo desumanos;

7 - Governos sem planejamento, sem autonomia, sem amor ao povo

Se um dia eu ver algo diferente disso, estarei feliz em ver a minha cidade e o meu país derrubando um sistema que foi criado de forma ainda mais brutal, pela falsa democracia brasileira.

Tudo foi sistematizado, mas Podes acreditar não foi impossibilitado. Um dia o povo despertará. ” Tércio Rodrigues

Segue abaixo opinião da Jornalista Raquel Sheherazade falando sobre a corrupção no país. Assistam!

                            

Com a palavra Roque Estrela